Navegação de Posts

Reunião no Amapá confirma Promei em vários municípios

O presidente da Comicro, José Tarcísio da Silva, esteve, nessa quinta-feira (05), em Macapá/AP, para uma reunião com o prefeito da cidade, Clécio Luís, o presidente da Femicro-Amapá, Raimundo Batista e o presidente da Femicro-Tocantins, Carlos Antônio de Souza. Na pauta do encontro, a implantação efetiva do Programa de Fortalecimento da Representação das Microempresas e Empreendedores Individuais (Promei) e a parceria, junto à prefeitura, na execução do Programa. Também participaram da reunião o secretário municipal de Finanças, Jesus Vidal e o assessor especial da Secretaria de Governo, Auriês Siqueira.

O Promei irá atuar nos municípios de Macapá, Santana, Laranjal do Jari e Oiapoque, para promover o crescimento das microempresas e empreendedores individuais por meio de um modelo de apoio mais efetivo e presente nas localidades em que estes atuam (periferias de grandes centros urbanos, municípios médios e feiras livres). O objetivo é a organização associativa, qualificação de lideranças e na formação de redes sustentáveis de apoio e desenvolvimento local.

Em sua fala, José Tarcísio lembrou que o Programa, realizado através de uma parceria com o Sebrae, já está presente em 15 estados brasileiros. “Nossa visita busca o fortalecimento desse projeto. Ele visa verificar quais as reais necessidades de cada empresa, seja ela financeira ou de capacitação, além de realizar pesquisas sobre o setor em nível de município”, afirmou.

O prefeito Clécio Luís confirmou a parceria com a Femicro para o desenvolvimento do projeto no município de Macapá. “Muito nos interessa esse projeto, uma vez que quando estiver consolidado teremos acesso ao resultado desse trabalho. Quando tivemos o primeiro contato, fiquei empolgado com Promei, principalmente em relação a pesquisa, pois a prefeitura tem muita dificuldade de construir indicadores e esse programa irá nos ajudar nesse sentido, pois irá nos dar um diagnóstico, além de estimular atividade empreendedora no município de Macapá”.

Com informações da Asscom PMM